in , , , , , , ,

Coronavírus: Sorocaba registra duas mortes suspeitas

São considerados como suspeitos todos os pacientes que apresentarem características de síndrome gripal. Foto: divulgação

Cidade passou de 84 para 98 casos suspeitos de sábado (21) para domingo (22)

Duas mortes suspeitas do novo coronavírus foram registradas em Sorocaba no último final de semana. A Prefeitura, por meio da Secretaria da Saúde (SES), recebeu no domingo (22) a notificação de óbito de um paciente suspeito do novo coronavírus. A confirmação de que a causa da morte foi pelo Covid19 se dará após exame do Instituto Adolfo Lutz. A vítima foi um homem de 48 anos, transplantado renal.

Ainda no domingo (22), no final da noite, a SES recebeu a notificação de uma segunda morte por suspeita do novo coronavírus na cidade. A vítima foi um homem de 83 anos, que tinha histórico de pneumonia. O paciente recentemente tinha recebido alta do hospital após ser internado por conta da pneumonia. Ao se sentir mal neste domingo, ele procurou uma UPH da cidade e acabou morrendo no local. Devido aos sintomas gripais apresentados, a vítima foi classificada como suspeita da COVID-19 e amostras para exames foram coletadas e enviadas ao Instituto Adolfo Lutz (IAL).

A cidade passou de 84 para 98 casos suspeitos de sábado (21) para domingo (22). Do total de suspeitos, nove encontram-se internados em hospitais e quatro aguardam internação e estão em UPHs do município.

Conforme determinação da Secretaria Estadual da Saúde, somente serão solicitados exames do novo coronavírus para pacientes suspeitos internados graves ou críticos e profissionais da área de saúde que apresentem sintomas de síndrome gripal. O teste diagnóstico não deverá ser realizado em pessoas assintomáticas. Essas medidas buscam otimizar o bom uso desse recurso, cujos insumos estão restritos no mundo devido à situação pandêmica.

Neste momento são considerados como suspeitos todos os pacientes que apresentarem características de síndrome gripal. Ou seja, pessoa com febre e sintomas respiratórios, sendo que a febre pode não estar presente em alguns, como pacientes jovens e idosos, ou que esteja fazendo uso de medicamento antitérmico. A orientação é que procurem uma unidade de saúde somente pessoas que percebam o agravamento dos sintomas, como falta de ar. Em situações menos complexas, é recomendado o isolamento domiciliar por até 14 dias.

 

Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Sorocaba

O que você achou?

Escrito por CidadeSorocaba

Emprego: PAT Sorocaba tem consulta on-line

Calamidade pública: comércio de Sorocaba deve fechar