in , , ,

Fábrica clandestina de álcool em gel é interditada em Sorocaba

A empresa supostamente utilizava combustível etanol para a produção. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Sorocaba

 

De acordo com a Prefeitura, local não possui estrutura física adequada nem controle de qualidade

27/03/2020 – A Secretaria da Saúde (SES) da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Vigilância Sanitária (Visa), interditou nesta quinta-feira (26) uma fábrica clandestina de álcool em gel, na zona Leste da cidade. O local não possui estrutura física adequada e nem controle de qualidade. Além disso, a empresa supostamente utilizava combustível etanol para a produção. Essa matéria-prima é tóxica e pode causar risco à saúde pública.

O nome da marca e exposta nos produtos comercializados é intitulada como “Creative”. O Poder Público toma a iniciativa de divulgar o nome para evitar o risco à saúde pública e que as pessoas acabem comprando este produto em algum comércio. Segundo a Visa, os possíveis comércios que adquiriram este produto estão sendo contatados para serem informados sobre o risco da comercialização. A Visa também está visitando atacadistas e varejistas para identificar o produto em estoque e em seguida apreender os itens.

O nome da marca e exposta nos produtos comercializados é intitulada como “Creative”. Foto: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Sorocaba

De acordo com a Visa, a empresa recebeu dois autos de infração: o primeiro por não possuir licença de funcionamento e o segundo por não ter procedência de matéria-prima e controle de qualidade, o que também caracteriza risco à saúde pública. Portanto, os demais produtos ali fabricados, tais como desinfetantes, detergentes, água sanitária não possuem os padrões de qualidade e segurança. A iniciativa é respaldada pelo Artigo 1 Inciso V do Código Sanitário do Estado de São Paulo.

A fábrica permanecerá interditada até que todas as irregularidades sejam sanadas e somente poderá funcionar assim que possuir a Licença de Funcionamento, expedida pela Vigilância Sanitária. Segundo a SES, a inspeção foi desencadeada por meio de uma denúncia anônima.

Denúncias podem ser feitas via WhatsApp (15) 99129-2426 ou pelo telefone 156 e também no portal da Prefeitura de Sorocaba: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento. O telefone da Visa é o (15) 3229-7300.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Sorocaba

O que você achou?

Escrito por CidadeSorocaba

Uso do passe estudante está bloqueado em Sorocaba

Prazo para regularização do título de eleitor vai até maio